Buscar
  • Dr. Andre Ribeiro

Preparo ortodôntico para cirurgia ortognática. O que é? Como e quando é feito?

Atualizado: Abr 16





Para falar sobre preparo ortodôntico, iremos falar brevemente sobre a cirurgia ortognática. A cirurgia ortognática é um tratamento que visa alinhar os ossos da arcada dentária e corrigir anomalias faciais causadas pelas alterações de crescimento dos maxilares, melhorando a função e a estética facial, pois a cirurgia irá devolver a harmonia da face, deixando-o mais bonito.


Ela é indicada para pacientes que tenham alterações esqueléticas como as observadas na Classe II ou Classe III, alterações verticais, assimetria facial e que por essa razão apresentam distúrbios da mordida, articulares e respiratórios.



No tratamento com a cirurgia ortognática inclui a associação de um tratamento ortodôntico com um tratamento cirúrgico, para que desta forma proporcione tanto melhorias funcionais quanto estéticas.


Preparo ortodôntico para cirurgia ortognática


O tratamento cirúrgico tradicional se divide em três fases.



1 - Ortodontia pré-cirúrgica: como os maxilares estão inicialmente em posição errada, os dentes estão desalinhados e a movimentação deverá ser feita visando o posicionamento final dos dentes nas arcadas. O ortodontista precisará posicionar os dentes superiores e inferiores já prevendo que os dentes consigam o melhor “encaixe” possível ao término da cirurgia. A duração dessa etapa é de cerca de 6 a 12 meses.


2 – Cirurgia Ortognática: nessa fase o paciente estará aos cuidados do Cirurgião Buco-Maxilo-Facial tanto no pré, quanto no pós-operatório. Esta fase pode durar em média 45 dias.


3 – Refinamento ortodôntico pós-cirúrgico: devido aos erros de crescimento ósseo, a primeira fase da ortodontia possui limitações de movimentação dos dentes. O que nos leva a “finalizar” a ortodontia somente após a cirurgia.


O preparo ortodôntico é necessário para corrigir o posicionamento dos dentes nos ossos, alinhando e nivelando os dentes, descompensando inclinações desfavoráveis cujo tempo de tratamento varia entre 6 e 12 meses, dependendo da severidade de cada caso.


O Dr. Bruno Correa, que é um ortodontista com experiência no preparo ortodôntico-cirúrgico de pacientes, relata que um dos maiores receios dos pacientes em relação ao tratamento, é que ao final da etapa do preparo ortodôntico ocorre uma relativa piora na estética facial. Isso acontece porque durante desse preparo a posição inicial dos dentes acaba mascarando o verdadeiro problema ósseo através de inclinações dentárias excessivas, e durante a movimentação dentária inicial do preparo ortodôntico os dentes ficam na posição correta, evidenciando a distância entre os dentes superiores e inferiores. Isso ocorre por um curto período e logo será resolvido com a realização da cirurgia.


Em alguns casos, é possível para diminuir os impactos negativos do preparo ortodôntico, através da técnica de benefício antecipado, em que a cirurgia é realizada antes ou após um curto período de preparo ortodôntico, e esse período de relativa piora da estética facial é evitado.


As vantagens dessa modalidade é que ela antecipa os benefícios da cirurgia e diminui o tempo total do tratamento, entretanto, nem todo paciente poderá ser submetido a está técnica. Seu cirurgião e ortodontista poderão avaliar seu caso e definir se você será elegível para este tratamento.


Um erro frequentemente observado na ortodontia pré-cirúrgica é quando o ortodontista tenta compensar a deformidade facial até o seu limite e quando não consegue mais, encaminha o caso ao cirurgião. Esta conduta limita as possibilidades de tratamento e pode apresentar recidivas a longo prazo. A ortodontia de compensação segue caminho oposto aos objetivos ortodôntico pré-cirúrgicos. Desta forma, o diagnóstico correto e definição do tratamento devem ser feitas desde cedo, minimizando o tempo de tratamento e custo biológico do paciente.


Segundo o Dr. Bruno, o preparo ortodôntico para cirurgia ortognática pode ser desafiante, mas os resultados valem todo o sacrifício diante da transformação e melhora apresentada pelo paciente. No INCOM – Instituto de Cirurgia Oral e Maxilofacial, você encontra ambos os profissionais, cirurgião e ortodontista, que trabalham em conjunto para oferecer os melhores resultados no período mais curto de tempo.